quarta-feira, novembro 2


A paixão testa, o amor prova.
A paixão acelera, o amor retarda.
A paixão repete o corpo, o amor cria o corpo.
A paixão incrimina, o amor perdoa.
A paixão convence, o amor dissuade.
A paixão é desejo da vaidade, o amor é a vaidade do desejo.
A paixão não pensa, o amor pesa.
A paixão vasculha o que o amor descobre.
A paixão não aceita testemunhas, o amor é testemunha.
A paixão facilita o encontro, o amor dificulta.
A paixão não se prepara, o amor demora para falar.
A paixão começa rápido, o amor não termina.

[ Fabrício Carpinejar]

2 comentários:

Ká. ✿~ disse...

MENOS paixão e MAIS amor..
... é tudo o que eu quero!! =D

=**

Anônimo disse...

http://site.com - [url=http://site.com]site1[/url] site
site2