sábado, outubro 9

"Existem coisas que, sozinhos, não conseguimos mudar.
Eu sempre fico triste quando vejo alguém jogado na rua, à margem desse sistema.
Mas se eu ficar triste, só triste, eu serei mais uma a aumentar as tristezas no mundo.
E a tristeza só consegue nos deixar fracos e inertes.
O que o mundo precisa é de um exército de gente feliz, capaz de doar um pouco
de si e do que sabe, capaz de fazer a diferença na vida de algumas pessoas.
Meus braços não são do tamanho do mundo, mas foram feitos no
tamanho exato de abraçar alguém."

[Rita Apoena]

2 comentários:

Fernanda Deunizio disse...

ô saudade. mas que vontade boa de te dar um abraço. sempre rabiscando amor.


sempre por aqui, Fer

Daaý Brunett´S disse...

Fê:

Ai que amor!!!
ô saudade de tu tambem,
mesmo longe recebo teu abraço apertado, e receba tambem o meu!

Beeijo minha linda! =)