segunda-feira, setembro 20

"Ah o amor …
que nasce não sei onde,
vem não sei como e
dói não sei porque".

[Carlos Drumond de Andrade]

2 comentários:

Pérola Anjos disse...

E sai não sei quando...

Grande Drummond!

Pegadas do Coração disse...

Mas para tudo há uma explicação lógica.. Não sabemos porque sentimos tanto dor quando estamos sozinhos e sentimos falta do outro..
Adolei..Como sempre!