terça-feira, abril 6



O amor tem uma consciência louca do futuro,
de fazer passado com o futuro.
A paixão vive fora do tempo.
O amor vive no tempo porque deixa rastros.
Paixão se esquece, e amor nem enterrando acaba.
  
[Fabrício Carpinejar]

Nenhum comentário: